Wednesday, January 14, 2009

Alminhas à beira de um ataque de avariações

Primeiro foi o esquentador que começou a demorar a ligar. Abria-se a torneira e ouvia-se o isqueiro tic-tic-tic e nada. Fecha-se a torneira, volta-se a abrir. Tic-tic-tic. Mais uma tentativa e à terceira é de vez, habemus água quente. Depois foi a lâmpada da casa de banho que com um pequeno estouro, se foi. Vai de buscar o escadote e de mudar a lâmpada, porque com essas podemos nós bem. Mas agora é que foram elas. Agora é que estamos feitas ao bifinho. A luz da cozinha, uma lâmpada fluerescente com alguns dois metros, decidiu transformar-se em strob e animar as nossas noites. Três segundos na cozinha e é ataque epilético garantido, mesmo para quem não padece da doença. E tirá-la do tecto? E comprar outra? Onde? Como? E voltar a pô-la? Por enquanto temos uma instalação catita na cozinha, com dois candeeiros de mesa, recrutados da sala e de um quarto, para alumiar a malta à noite (durante o dia há a janela), mas não pode ficar assim para sempre. Ou pode? Não pode. Ou pode? Não, não pode.

10 comments:

Anonymous said...

lol...mulheres=básicas.
vendem-se no mesmo sitio aonde se vendem as outras...tiras a medida, deve ser 1,20m e zupa-le. atenção q essas lampadas costumam dar problemas é nos arrancadores.
fala mas é com algum gajo que conheças q é mais prático.

leididi said...

Ahhhh. Eu acho que é o arrancador. Um gajo que conheça? Conheço muitos, mas acho que nenhum é suficientemente voluntarioso para nos ajudar.

Lek said...

Sim, o problema dessa casa é só UM: -falta de gajo-
Ok, tentando ser "treinador de bancada para assuntos de bricolage caseira, à distância", cá vai:
PROBLEMA 1.-Se a lampada faz efeito "strob", o mais provável é ter sido só o arrancador a dar o badagaio.
SOLUÇÃO 1.- É comprar um arrancador novo. É uma coisa em plástico branco que se vende na secção das lampadas que parece uma pilha de 1,5v com dois terminais em forma de cabeça de parafuso.
SOLUÇÃO 1.1.- Chegadas à cozinha, as alminhas devem aceder ao sítio onde está o arrancador defeituoso e fazê-lo rodar no sentido contrário ao dos ponteiros do relógio, por 1/4 de volta e no sentido inverso colocar o novo.
OBSERVAÇÃO 1.1.- Se a lâmpada voltar a acender, o problema está resolvido. Se não, passemos ao problema 2.
PROBLEMA 2. -Mesmo com um arrancador novo instalado a lampada não acende.
SOLUÇÃO 2. -Tira-se a medida da lampada original e vai-se à loja adquirir uma nova.
SOLUÇÃO 2.1.- Remove-se a lampada fundida, fazendo-a rodar sobre o seu eixo 180º. Cuidado, pois é material muito sensivel e vocês não querem apanhar vidros do chão durante 6 meses.

PROBLEMA RESOLVIDO?

SOLUÇÃO FINAL - se me pedirem muito muito, e houver vinho lá em casa, sou gajo para lá ir, levar o material e nem cobrar a mão d'obra.

bj

Happinêss said...

e é jeitosinho o lek, é! aproveitem!

mary said...

AMANHÃ???????????????????

c said...

caros leitores (homens!) do blog das alminhas... o problema não é não ter gajo em casa... eu tenho um e fiquei na mesma com uma luz de foco de 20w na cozinha durante sensivelmente 1 ano. E a minha lampada tambem fez scopt e era, efectivamente, a cena redonda de 2 cabeças! valeu, também, um amigo...

leididi said...

Vamos embora Lek!!!Estás convidadíssimo!!!

Alminha Mariana said...

E eu que estava a gostar tanto da nova instalação mega trendy de candeeiros na bancada da cozinha... Ora bolas!

Vera said...

Voto no Lek!! Aproveitem meninas...

Vanuxa said...

Um problema eléctrico nunca vem só. Há coisa de 1 mês estouraram-e 4 lâmpadas em casa, o secador explodiu e pior, o router deixou de funcionar.

Eu tenho gajo em casa mas quem "usa as calças" sou eu (apesar dele ter o diploma de engenheiro, eu sou a "handywoman").

Lek não queres vir dar um saltinho ao Brasil? Há muito vinho, caipirinhas, praia e calor.